Testemunhos vegetais da deriva continental, crónica por Jorge Paiva

O Planeta Terrestre, a “gaiola” que habitamos, tem cerca de 4600 milhões de anos (Ma). É um planeta pleno de reações exo e endoenergéticas, recebendo também muita energia de estrelas do Universo
(ex.: Sol). A vida, uma forma de energia auto-replicável (ADN), surge quase 2000 Ma depois da formação do Globo Terrestre.