×

Aviso

com_content.article: Field=text
youtu.be urls are disabled

Os Pais da Ecologia

Hoje, dia 19 de Março, dia do Pai, aproveitamos para celebrar os Pais da Ecologia. Vamos conhecer alguns dos cientistas que tiveram papel de relevo na criação da Ecologia, tal como hoje a conhecemos.

Quem é Alexander von Humboldt, e porque é apelidado como sendo Pai da Ecologia Vegetal e da Biogeografia?

Porque é Karl Möbius uma referência na disciplina de Ecologia das Comunidades?

Quem inventou o termo para a ciência que estuda as relações entre os seres vivos e a “sua casa”, o meio ambiente?

Porque foi Eugenius Warming um Professor tão importante na história da Ecologia?

Quem introduziu o conceito de ecossistema na biologia?

Sabia que o autor do popular livro “Animal Ecology” é apelidado como o Pai da Ecologia Animal?

Quem são os irmãos Odum, qual a sua história e como tiveram papel fundamental na incorporação da Ecologia como disciplina em todos os cursos de Biologia?

Que Mirmecólogo é conhecido como o Pai da Sociobiologia?

O desenvolvimento e criação de modelos matemáticos para o estudo da população foi impulsionado por que conhecido cientista catalão?

Quem foi o cientista pioneiro no estudo da sucessão ecológica?




Alexander von Humboldt

alexander von humboldt

Alexander von Humboldt (1769 -1859) foi o primeiro cientista a dedicar-se ao estudo das relações que os organismos estabelecem entre si e com o meio ambiente, o que hoje conhecemos como Ecologia.
Foi um marco importante nas ciências biológicas pois, para Humboldt, a “união da Natureza” significava estudar a biologia, a geologia e a meteorologia conjuntamente, e não em separado como era feito habitualmente.
Humboldt fez um trabalho notável com o estudo da fitogeografia, uma palavra e disciplina que une a geografia e a botânica. Descobriu que a distribuição geográfica das plantas era influenciada pelas condições do ambiente de cada local. Este trabalho deu origem à disciplina mais abrangente da biogeografia, que estuda a distribuição geográfica dos organismos, com base nas condições ambientais.

 

 Karl Möbius

Karl Mbius1

Karl Möbius (1825-1908), foi o primeiro a descrever em detalhe as interações entre diferentes organismos que coexistem dentro do mesmo ecossistema ou habitat, inventando o termo biocenose, hoje mais conhecido como “comunidade ecológica”.
Este é um dos termos chave da Ecologia das Comunidades, que se dedica ao estudo das interações entre diferentes espécies dentro de comunidades, em diversas escalas espaciais e temporais.

 

 Ernst Haeckel

Ernst Haeckel1

Foi Ernst Haeckel (1834 - 1919) quem, em 1866, definiu o conceito de “Ökologie” derivada do grego "oikos", que significa casa, e "logos", estudo ou conhecimento.
A palavra Ecologia passou a significar, a partir dessa data, a ciência que estuda as relações entre os seres vivos e a “sua casa”, o meio ambiente.
A Ecologia é uma ciência ampla, abrangente e complexa, que ajuda a entender o funcionamento da Natureza no Planeta Terra.

 

 Eugenius Warming

Eugen Warming1

Eugenius Warming (1841-1924) botânico, escreveu o primeiro manual da disciplina de Ecologia Vegetal. Foi Professor da primeira disciplina universitária de Ecologia na Universidade de Copenhaga, dando significado e importância ao conceito de Ecologia.
O seu trabalho, como pedagogo e cientista levou à disseminação da criação da Ecologia como disciplina.

 

Sir Arthur Tansley

Arthur Tansley

Sir Arthur Tansley (1871-1955), fortemente influenciado pelo papel de Warming como professor de Ecologia, continuou a difundir o seu estudo a nível universitária britânico. Deve-se a ele a definição do que hoje se considera a unidade de estudo em ecologia, o ecossistema (1935). Anteriormente, cada investigador usava termos muito variados como biocenose, microcosmos, biossistema, sem preocupação de unidade de estudo.
O conceito de Ecossistema, baseado na análise de sistemas, pode por isso, ser considerado como um sistema aberto com graus de organização e auto-regulação dependentes tanto do meio abiótico como dos organismos vivos.
Tansley foi o primeiro presidente da British Ecological Society (BES), a primeira sociedade profissional de Ecólogos do mundo e fundador da sua emblemática revista científica Journal of Ecology,a mais antiga revista científica na àrea da Ecologia.

 

Frederic Clements

Frederic Clements

Frederic Clements (1874-1945) foi pioneiro no estudo da sucessão ecológica. Das suas observações desenvolveu umas das mais influentes teorias do desenvolvimento das comunidades vegetais: a composição das comunidades não é permanente, mas altera-se gradualmente com o tempo até chegar a um estado de equilíbrio, denominado de estabilização ou clímax.

 

 Charles S. Elton

Charles Elton1

Charles S. Elton (1900-1991), ficou conhecido como o Pai da Ecologia Animal, pois o seu trabalho levou ao estudo moderno da Ecologia das Populações e Comunidades, incluindo já estudos de espécies invasoras. Foi ele o autor da definição e importância das chamadas cadeias tróficas ou alimentares.
Elton é o fundador da conhecida revista científica “Journal of Animal Ecology”, actualmente a segunda revista científica mais antiga da British Ecological Society.
O seu trabalho e dos seus discípulos, contribuiu para o desenvolvimento das políticas da conservação da natureza e da relevância das ciências ecológicas nas áreas da economia e do ambiente.

 

 Eugene Odum & Howard T. Odum

Odum brothers

Eugene Odum (1913-2002) apelidado de Pai da Ecologia Moderna, e o seu irmão, Howard T. Odum (1924-2002) foram pioneiros no estudo em Ecologia dos Ecossistemas, escrevendo o popular manual da disciplina: “Fundamentals of Ecology”.
O entusiasmo e dedicação pela disciplina de Ecologia que lecionava na sua Universidade (Georgetown) justificou a necessidade de ter a Ecologia como disciplina indispensável em todos os cursos de especialidade relacionados com as ciências biológicas. Deve-se a Odum também a difusão do conceito de ecossistema criado por Tansley, como unidade funcional em Ecologia.
O livro “Fundamentals of Ecology” foi considerado, durante anos, a “Bíblia” desta disciplina.

 

Ramon Margalef

Ramon Margalef

Ramon Margalef ( 1919-2004), foi considerado um dos ecólogos mais relevantes do séc. XX. Foi Professor de Ecologia na Universidade de Barcelona tendo sido pioneiro nas áreas de limnologia e oceanografia e criador da chamada teoria de informação e dos modelos matemáticos.
Contribuiu com teorias inovadoras sobre a estrutura espacio-temporal dos ecossistemas e estudou sistemas, populações e espécies de água doce, marinha e terrestre, descrevendo padrões e princípios de unificação entre todos.

 

E. O. Wilson

E O Wilson

E. O. Wilson (1929-) é o mais conhecido especialista em Mirmecologia, o ramo da Ecologia que estuda as formigas. Devido ao seu trabalho com estes insectos Wilson é apelidado o Pai da Sociobiologia, área que estuda os comportamentos sociais na evolução.
De entre as suas maiores contribuições para a ciência, também se deve destacar a teoria da biogeografia insular, que desenvolveu em colaboração com o matemático Robert MacArthur. Mantém-se hoje em dia, com os seus 90 anos, a apelar à necessidade de preservar a biodiversidade.

 

É devido a estes “cientistas Pai” (e Mãe) e muitos outros que temos a Ecologia como um dos ramos mais importantes da ciência biológica. Cabe a nós, “cientistas filhos” continuar o excelente trabalho que tem sido feito e fazer da ecologia uma ciência de crescente relevância para o mundo actual.

 

Na imagem que vos apresentamos a seguir, está esquematizada a "arvore genealógica" da história da Ecologia.

 Esquema Ecologia




Texto de Inês Reis dos Santos com revisão e contributos de Maria Amélia Martins-Loução.