O Júri do Prémio de Doutoramento em Ecologia 2022 - Quem são?

O Júri do Prémio de Doutoramento em Ecologia 2022 - Quem são?

Image
Image
1

Maria Amélia Martins-Loução.

Presidente da SPECO. Professora Catedrática da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e Ex-Vice Reitora da mesma Universidade. Mestre em Comunicação de Ciência. Traz ao prémio o rigor do cumprimento das regras regulamentadas e o conhecimento transversal e holístico em Ecologia. A sua experiência em comunicação de ciência permite valorizar os que conseguem transmitir e realçar o valor do seu trabalho.
Image
2

João Gonçalves.

Administrador da Fundação Amadeu Dias. Traz a força institucional a este prémio. Como representante da Fundação, reforça o prestígio deste prémio, fruto de uma vontade consistente em apoiar o desenvolvimento científico e social da Fundação que preside. Estando fora da academia, mas com conhecimentos científicos, é o garante do interesse dos trabalhos a concurso.
Image
3

Helena Freitas.

Coordenadora do Centro de Ecologia Funcional. Directora do Parque Serralves. Professora Catedrática e ex-Vice Reitora da Universidade de Coimbra. Ex-Presidente da SPECO. A sua presença garante reforço na seriedade desta avaliação, através da sua experiência e vasto conhecimento sobre a Ecologia em Portugal.
Image
4

Ricardo Melo.

Coordenador e investigador no MARE. Professor na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. A sua presença é essencial na avaliação das candidaturas pela sua vasta experiência em biologia e ecologia marinha realçando e garantindo a abrangência de conhecimentos do júri a este prémio.
Image
5

Joaquín Hortal.

Investigador no Museu Espanhol de Ciências Naturais (MNCN-CSIC). Colaborador no cE3c- Centro de Ecologia Evolução e Alterações Ambientais. Editor-chefe da revista científica Frontiers of Biogeography. Especialista de renome em biogeografia e ecologia das comunidades assegura a diversidade de conhecimentos sobre processos ecológicos e padrões de biodiversidade, o que aumenta a seriedade e idoneidade da avaliação.
Image
6

Jorge Gonçalves.

Investigador sénior do Centro de Ciências do Mar do Algarve (CCMAR). Professor Visitante na Universidade de Cádiz (UCA-FCMA) e na Universidade do Algarve (UALG-FCT). A sua experiência científica ligada à gestão pesqueira, ecologia marinha e áreas protegidas abre o leque de conhecimentos necessários a um júri idóneo e diversificado.
Image
7

Myriam Lopes.

Vice coordenadora e investigadora no CESAM - Centro de Estudos do Ambiente e do Mar. Professora Associada na Universidade de Aveiro. Com o seu background em engenharia do ambiente assegura a abrangência da Ecologia e traz ao júri uma visão ampla em conhecimentos sobre modelação, gestão da qualidade do ar e investigação de processos atmosféricos ligados à mitigação e adaptação às alterações climáticas.